Para Meditar

"Escreva as preocupações de hoje na areia. Grave as vitórias de ontem na pedra".

14/02/2011

O menino que queria ser tv

Joselito era um menino comum, como todos os outros. Era quietinho: o último filho de uma família numerosa. Ficava no seu canto boa parte do tempo, brincava, estudava. Certa vez, a professora da escola dominical de Joselito, falou sobre o poder da oração, pediu a seus alunos que escrevessem uma oração. A oração de Joselito causou espanto e a professora permitiu que a publicássemos para a congregação: “Querido Papai do Céu, Muito obrigado por tudo que o Senhor tem nos dado. Nossa professora disse que o Senhor tem todo o poder para fazer qualquer coisa. Eu acredito nela e no Senhor também. Eu gostaria de ser uma TELEVISÃO. Gostaria que o Senhor me transformasse numa TV. Sei que para o Senhor, isto deve ser muito fácil, pois a tia disse que o Senhor fez a gente com pó. Papai do Céu, não fique bravo por eu querer ser TV. Eu gosto de ser um menino, mas eu gostaria mais ainda de ser uma TELEVISÃO. Sabe Deus, se eu fosse uma TV, todos os dias, ao voltar prá casa, meu pai iria chegar perto de mim e ficar bastante tempo comigo. Se eu fosse uma TV, mamãe ficaria comigo um bom tempo durante a tarde e meus irmãos iriam até brigar para ver quem iria ficar comigo! Se eu fosse uma TV, nas noites e feriados, todo mundo ficaria reunido ao meu redor, prestando atenção em mim, até mesmo quando eu não tivesse coisas importantes a dizer. Se eu fosse uma TV e acontecesse algo comigo, todos cuidariam de mim muito rápido, chamariam homens inteligentes prá cuidar de mim e nunca deixariam que alguém me maltratasse ou batesse em mim. Se eu fosse uma TV, teria um quarto bem bonito com sofá e tudo mais só para mim e nunca teria que ficar em silêncio quando os outros conversam, jantam ou fazem outras coisas. Se eu fosse uma TV, todos ficariam olhando para mim, rindo e não permitiriam que as outras coisas atrapalhassem nosso tempo juntos. Se eu fosse uma TV, seria sempre o último a ter que ir dormir, e só depois de ficar muito tempo com toda a família. Papai do Céu, se eu fosse uma TELEVISÃO, eu seria mais feliz!” Trate os seus “Joselitos” como trata sua TV. Ele vai ser feliz! Muitos filhos precisam de mais atenção de seus pais... Muitas esposas precisam de mais cuidado de seus esposos e vice-versa. Muitas pessoas recebem um mínimo de atenção, enquanto eletrodomésticos dominam nossas vidas.
....................

3 comentários:

  1. Que estupendo querida amiga Cris, fiquei maravilhado com seu blog, parabéns por tudo. Seu talento a serviço da arte da escrita. Voltarei sempre por aqui com certeza, abraços e parabéns.

    ResponderExcluir
  2. A paz do Senhor, Ir. Cristiane!

    Que mensagem maravilhosa!!! vou salvar posso? Foi a senhora que escreveu? imagino que sim.
    É por essas e outras que eu prefiro ficar longe da TV e nem quero ela na minha casa, ela prende a gente demais.

    Um beijão e muito obrigada pelas orações.

    saudades

    ResponderExcluir
  3. Hoje li essa reflexão na Rádio e mais uma vez fiz menção desse blog Abençoado! Deus te recompense!

    ResponderExcluir